O que é BPO de Gestão Estratégica de Pessoas – ou BPO de RH Estratégico

Para quem vive - ou deseja viver - de Gestão de Pessoas

O que é BPO de Gestão Estratégica de Pessoas – ou BPO de RH Estratégico

Significa: empresário inteligente que foca no que interessa no seu negócio (core business) e transfere a execução das atividades de gestão estratégica de pessoas (ou RH Estratégico) para uma empresa com experiência nessa área.

BPO é uma sigla em inglês que quer dizer “Business Process Outsourcing” e traduzindo para o português é: “Terceirização de Processos de Negócio”. Em outras palavras, terceirizar com outra empresa os processos que não fazem parte do “negócio central” da empresa, mas não menos importante para seu bom funcionamento. Isso já é uma realidade para algumas áreas – faz tempo – como é o caso, da contabilidade!

Mas porque uma empresa iria terceirizar as atividades de gestão estratégica de pessoas, com uma outra empresa? Quais as vantagens de fazer isso?

  • Empresa pode focar no que é mais importante para o negócio;
  • Redução de custos (CLT x PJ);
  • Experiência e vivência do parceiro;
  • Gestão dos resultados;
  • Trabalho rápido e preciso;
  • Acesso a tecnologias e atualizações da área;
  • Vantagem competitiva;
  • Redução dos processos manuais – e papel;
  • Ter alguém PENSANDO junto e EXECUTANDO;

Mas cuidado, pois o BPO de Gestão de Pessoas é confundido – várias vezes – com uma consultoria de gestão de pessoas, que realiza processos de R&S, estruturação de cargos e salários ou atua com treinamentos. O BPO de gestão estratégia de pessoas definitivamente não é isso!! Vai muito além disso!!

Livros com SUPER descontos na Amazon!!

A consultoria vem para “prestar consulta”, geralmente pontual: fazer um diagnóstico; fazer uma pesquisa de clima; fazer um processo seletivo; fazer uma avaliação psicológica; fazer entrevistas, etc. No caso dos projetos, acontece algo bem parecido: começam, tem um desenvolvimento e terminam com a entrega final (conclusão). Em ambos os casos, quanto o trabalho terminar, o prestador de serviço só vai voltar se for chamado(a) novamente pela contratante! É uma atuação “sob demanda“.

No caso do BPO de Gestão Estratégica de Pessoas, existe um escopo inicial de trabalho mínimo e que precisa acontecer SEMPRE (mensalmente). Vou dar um exemplo: realizar até 2 processos seletivos mensais para a empresa; criar e manter atualizadas as descrições de cargos da empresa; criar e manter atualizados os principais procedimentos operacionais da empresa (POP); criar e manter atualizado o regulamento interno da empresa; fazer a avaliação de tempo de experiência dos novos colaboradores e realizar 1 avaliação de desempenho dos colaboradores semestralmente em troca de um valor “X” mensal, em um contrato mínimo de 6 ou 12 meses.

Conheça um sistema completo para fazer o BPO da Gestão de Pessoas para seus clientes

Um escopo mínimo, não quer dizer que o trabalho seja apenas esse! Se a empresa entender que necessita realizar uma avaliação de desempenho extra, montar um plano de cargos e salários ou fazer uma pesquisa de clima por exemplo, as partes podem ajustar um valor extra pelo período em que esse trabalho será realizado e depois voltar ao escopo mínimo, pois a manutenção e o acompanhamento são necessários.

Veja o que ocorre – a muito tempo – com a contabilidade: a empresa contrata um escritório de contabilidade, para prestar um determinado pacote de serviços (registrar NF de entrada e saída, calcular impostos, entregar obrigações ao fisco federal, estadual e municipal, escriturar e registrar o balanço da empresa) e para isso, paga um valor mensalmente. Se a empresa tiver alguma outra necessidade (fora do pacote), precisa pagar um valor extra. Se o pacote não prever a emissão de CND, a empresa terá que pagar um valor extra acordado, para que o escritório execute o serviço.

O escritório de contabilidade (BPO da contabilidade) é a solução para todas as empresas? R: Nããão!! Tem empresas – maiores geralmente – que preferem e é mais vantajoso, ter um setor de contabilidade interno. E o mesmo acontece com o BPO de Gestão Estratégica de Pessoas, que vai atender – principalmente – empresas que ainda não tem uma área de gestão de pessoas, como falamos antes sobre a gestão de pessoas para pequenas e médias empresas.

A comparação com a contabilidade, facilita o entendimento, não é mesmo?

Agora, vamos falar sobre o ponto de vista de negócios? O que é MELHOR: trabalhar com algo que é “eventual/sob demanda” e você não tem previsibilidade nenhuma ou algo que é “recorrente” e com previsibilidade?

Acho que eu sei a sua resposta, mas isso é um papo para outro post (risos)! Enquanto isso, se inscreve na nossa newsletter e deixa seus comentários, para que possamos saber o que achou 😉

Assine a nossa newsletter e receba nossos conteúdos em seu e-mail! É grátis 😉

Tags: , , , , ,